Sozinha

Você faz meus labios tremerem
Meus braços te quererem
Queria pegar cada brilhozinho do mundo
E te dar
Pra desculpar minhas mancadas
E mostrar, que ao contrario de mim, que valho um monte de nadas
Tu me valhes ouro, prata e diamantes
Eu trocaria cada bijuteria e algodão doce
Pra ter um minutinho a mais com você

Roubo versos do poeta
Te amando aqui tao só
E quando a rosa murchar
Eu vou chorar
A tua falta
Sozinha, talvez alta